DMB no Vivo Rio, precisa dizer mais alguma coisa?

O primeiro show da Dave Matthews Band foi em abril de 1991, para cerca de 200 pessoas, e a reação do público foi incrível, segundo sua biografia no site oficial dos fãs brasileiros da banda,  pois todos começaram a dançar, mesmo sem conhecer as músicas. A partir desse ponto se tornou claro que um dos pontos altos da banda era exatamente tocar ao vivo. Após esse show, uma amiga da banda, Lydia Conder, organizou uma festa em um lugar chamado Pink Warehouse (que mais tarde iria dar origem à música “Warehouse”), em Charlottesville, e convidou a banda para tocar lá. Quem diria que essa banda lotaria shows de 90.000 pessoas poucos anos depois?

DMB no Vivo Rio
DMB no Vivo Rio

Cada show era um novo acontecimento. De mês em mês, novas músicas eram apresentadas e mesmo as que eram tocadas todas as noites sempre apareciam em novas versões, com “jams” e improvisos que faziam com que cada minuto fosse uma nova experiência. A origem principal desse “prolongamento” das músicas, como já dito pelo próprio Dave, é de que por ter poucas músicas no começo de sua história, a banda fazia solos e improvisos, a fim de aumentar a duração de cada música.

Bom, tudo que esta escrito é o que foi presenciado pelos mais de cinco mil fãs que estavam presentes na casa de show Vivo Rio, no último dia 30 de setembro, que mesmo com sua acústica precária brindou os fãs com um verdadeiro SHOW DE MÚSICA! Foram três horas da maior sonoridade e de deixar o público em êxtase com a competência de cada música que compõe a banda, registro para a homenagem dos fãs que cobriram a pista com balões brancos para homenagear LeRoi Moore, integrante falecido esse ano em decorrência de um acidente.

Foi simplesmente inesquecível!

Compatilhe esse artigo!

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.