O Aprendizado Permanente e a Sua Promoção Por Meio do uso das TIC

Atualmente, o campo do conhecimento humano cresce a cada dia, de tal forma que novos processos, técnicas e campos de aplicação são gerados a um ritmo que, há poucas décadas atrás, parecia impossível.

Passamos da recente sociedade da informação para a sociedade do conhecimento, onde todos nós podemos participar e ajudar no enriquecimento cultural, científico e tecnológico das nossas comunidades.

Fabio Tagnin é Diretor de Expansão de Mercado

Nesse processo de geração de conhecimento em constante mudança e crescimento, o aprendizado permanente, ou para a vida inteira, desempenha um papel fundamental para fornecer as ferramentas de base para as pessoas, não apenas para assegurar a capacitação e atualização constantes, mas também melhores níveis de competitividade.

É comum que, ao falar de aprendizado permanente, se use o conceito dando ênfase na educação contínua de adultos e, em particular, fazendo alusão aos processos de capacitação pessoal. No entanto, essa concepção não é muito precisa, já que não contempla a capacidade de crianças e jovens para adquirir hábitos de estudo que forneçam a base para uma atitude comprometida com a superação pessoal, a excelência acadêmica e o desenvolvimento de habilidades para o século XXI.

Algumas das habilidades que podem ser desenvolvidas sob o ponto de vista do aprendizado permanente são:

  • O domínio cada vez maior da própria cultura – identidade nacional e global, aplicação e amplo uso da linguagem e formas de expressão artísticas;
  • O aprendizado de um segundo idioma;
  • O uso de tecnologias da informação e comunicação (TIC) de forma comum em inúmeras situações da vida diária.

A respeito do uso das TIC no campo educativo, existe uma necessidade de que tanto os professores quanto os alunos adquiram consciência do potencial que pode ser desenvolvido com esse tipo de ferramenta e a sua consequente aplicação nos processos de ensino e aprendizado.

Aspectos da formação como conceitos básicos de computação, busca e triagem de informação via internet e trabalho colaborativo fazendo o uso de fóruns, blogs, wikis e artigos online são cada vez mais comuns no segmento educativo, resultando na modernização e atualização das práticas docentes, assim como na reavaliação das competências e habilidades que identificam os planos e programas do aluno.

As TIC representam um meio e, ao mesmo tempo, uma área de competência curricular que expõe a abordagem atual do novo paradigma educativo. Por meio do uso das TIC, professores e alunos podem ampliar as suas possibilidades e enriquecer suas experiências na aula e em atividades extracurriculares, que refletem o aprendizado obtido, ganhando assim formas inovadoras de ensinar e aprender. Ao explorar os benefícios do uso dessas ferramentas, professores e alunos conseguem criar bases sólidas que permitem consolidar estilos de ensino e aprendizado baseados na capacidade, gosto e atitude de seguir aprendendo durante toda a vida.

Por Fábio Tagnin – Fonte: Intel

Compatilhe esse artigo!

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.