Instalando Ubuntu no Windows 7 via VirtualBox

Profissionalmente, sou um desenvolvedor .NET, entretanto sou um grande entusiasta do Ruby – principalmente da framework MVC Ruby On Rails. Recentemente troquei de notebook e observei uma boa oportunidade para criar um ambiente de desenvolvimento linux virtualizado.

No notebook antigo eu havia criado o ambiente através do Wubi Installer (que agora pode ser baixado diretamente da página oficial do Ubuntu), que – sem nenhuma dificuldade – cria um Dual Boot para o Windows e o Ubuntu. Entretanto sempre achei um saco ter que reiniciar o computador para ter que mudar de sistema operacional e por isto resolvi fazer diferente.

Não utilizei o Virtual PC da Microsoft por que há uma série de relatos sobre a dificuldade de configurar uma resolução Full Screen para o Ubuntu – o próprio blog do Scott Hanselman relata esta dificuldade. Portanto eu escolhi o VirtualBox, excelente solução da Oracle para virtualização. Vamos aos passos!

1) Faça download do VirtualBox for Windows hosts. Faça a instalação padrão como uma aplicação qualquer.

2) Faça o download do Ubuntu (eu escolhi a versão de 32 bits – quando baixei estava na versão 10.10).

3) Execute o VirtualBox e clique no botão Novo para criar uma nova máquina virtual. Na tela de boas vindas, clique em Próximo.

4) Dê um nome para sua máquina virtual (eu coloquei Ubuntu 10.10, mas fique a vontade). Em Sistema Operacional selecione Linux. Em Versão selecione Ubuntu. Clique em Próximo.

5) Em Memória selecione a quantidade de memória RAM que você achar mais conveniente. O meu notebook tem 3GB, então deixei 1GB para a máquina virtual, ou seja, 1024MB. Clique em Próximo.

6) Em Disco Rígido Virtual, marque a opção Criar novo disco rígido. Clique em Próximo. Na tela de boas vindas, clique em Próximo novamente.

7) Eu recomendo selecionar a segunda opção – Armazenamento de tamanho fixo. Em tese a primeira opção seria mais interessante, uma vez que conforme o espaço é alocado conforme você for instalando ou baixando coisas na máquina virtual, entretanto não foi uma e nem duas vezes que eu ouvi pessoas dizendo que enfrentaram problemas e até mesmo perderam a máquina virtual com esta opção. Selecione e clique em Próximo.

8) O recomendado é 8GB, eu optei por deixar com 10GB, mas fique a vontade para colocar quanto espaço quiser. Clique em Próximo.

9) A próxima tela apresenta um sumário sobre a configuração que você efetou no disco virtual. Clique em Finalizar e depois de algum tempo o disco será criado. É só clicar em Finalizar novamente.

10) A máquina virtual irá aparecer para você. Selecione-a e clique em Configurações. Depois clique em Armazenamento.

11) Na árvore de armazenamento você observará um item chamado Controladora IDE e logo abaixo a figura de CD escrito Vazio. Assim que você seleciona-lo, você observará – ao lado direito – uma seção chamada Atributos com Drive de CD/DVD. Ao lado das opções tem um ícone com o símbolo de um CD. Ao clicar nele, surgirá um menu. Clique na primeira opção chamada Selecione um arquivo de CD/DVD virtual.

12) Selecione a imagem do Ubuntu, a qual você fez download no passo 2. No meu caso, o arquivo se chama ubuntu-10.10-desktop-i386.iso e se encontra na pasta Downloads.

13) Agora onde se encontra o símbolo do CD onde estava escrito vazio você observa que ele está com o nome da imagem. Basta clicar em OK para fechar a janela.

14) De volta a tela principal do VirtualBox, basta dar dois cliques na máquina virtual criada anteriormente para inicia-la. Alguns alertas surgirão para você saber como manusear a máquina virtual, se quiser tomar conhecimento é interessante ler, entretanto basta clicar em OK e continuar com o processo.

15) Após carregar o Ubuntu, basta selecionar o idioma (eu escolhi Português do Brasil) e clicar em Instalar Ubuntu.

16) Clique em Avançar.

17) Mantenha a primeira opção – Apagar e usar o disco inteiro – e clique em Avançar

18) Mantenha o padrão e clique em Instalar agora.

19) O Ubuntu começará a ser instalado na máquina virtual. Durante o processo, algumas informações serão solicitadas, como sua localização, nome de usuário e senha. É só preencher e avançar.

20) Ao término é só clicar em Reiniciar agora.

21) Só não esqueça de tirar a imagem do Ubuntu do CD virtual.

22) Se for o caso, no menu do VirtualBox, clique em Dispostivos > Dispositivos de CD/DVD > Remover disco do driver virtual. Aí é só voltar no Ubuntu e teclar o Enter.

23) Pronto! O Ubuntu estará instalado na máquina virtual! Aproveite…!

Mais detalhes e telas da instalação no blog do Evandro Venancio

Compatilhe esse artigo!

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.