Patrocínio Natura
Como instalar o Ubuntu em um netbook com um pendrive
Linux , Tutorial / 6 de novembro de 2010

Seja por não aguentar mais pagar por atualizações de sistemas operacionais que, muitas vezes, trazem até mais problemas do que resolvem, ou por querer entender os motivos que levam pessoas a defender ferozmente o software livre, é fato que o Linux tem ganhado cada vez mais espaço em empresas e domicílios. Um dos principais responsáveis por este crescimento é, com certeza, o Ubuntu. A distribuição baseada em Debian e mantida pela Canonical – com o apoio e colaboração de desenvolvedores do mundo todo – está cada vez mais familiar e acessível ao não programador, e mostra-se uma alternativa viável para quem atende a algum dos pressupostos do primeiro  parágrafo. Entretanto, as grandes dúvidas do usuário que quer conhecer o Linux são: será este um caminho sem volta? Depois de instalar o Linux, é possível voltar para o Windows? Apesar de possível, existem aqueles que afirmam que, depois de experimentar o Linux – O Ubuntu em especial – não há quem realmente queira voltar para o Windows. Para que você, usuário do Baixaki, fique por dentro de como fazer o teste, este artigo vai ensinar como – sem mudar nada no seu computador – é possível tirar a prova do Ubuntu.

Open Source na Prática
Editorial , Programação / 30 de maio de 2009

O primeiro a propor a idéia de Open Source Software (OSS) foi Richard Stallman na década de 1970, que a formalizou, com a ajuda de alguns advogados, na famosa licença GPL. Ninguém se interessou ou sequer ouviu falar sobre isso, até que em meados da década de 1990, tudo mudou com a vertiginosa popularização do Linux, sistema operacional OSS. O termo popular “Software Livre” não é a melhor tradução de Open Source Software, cujo correto é Software de Código Fonte Aberto. É importante notar isso porque muitas vezes o termo é erradamente associado a idéia de não-proprietário, ou não-comercial. A verdade é que um software pode ter seu código fonte aberto mas ser comercial e/ou proprietário e vice-versa, portanto são conceitos que não devem ser confundidos. A idéia é simples: eu escrevo um programa e você pode copiá-lo à vontade sem nem sequer me notificar. Pode inclusive modificá-lo e redistribuí-lo, contanto que também mantenha suas modificações abertas e informe qual a origem e os autores anteriores do software. Isso não quer dizer que teremos diversas versões desconexas do mesmo software, num dado momento. Cada modificação passa por um processo muito bem organizado de aceitação ou rejeite, onde boas melhorias retornam…

Mate a vontade de experimentar o Linux
Linux / 24 de outubro de 2007

A agitação em torno do Linux deixa muita gente morrendo de vontade de experimentar o sistema. Mas um frio percorre a espinha só de pensar em bagunçar o PC, aquele que está redondinho com o Windows. Se é isso o que o impede, relaxe. No tutorial a seguir vamos fazer uma instalação cautelosa de Linux num PC com Windows. A distribuição que utilizamos é a SUSE 10, da Novell, que tem se mostrado estável e cumpridora, num PC modesto, um Pentium III, com 256 MB de memória RAM e HD de 40 GB. Vamos aos passos. 1. PREPARAÇÃO O SUSE 10 pode ser baixado de graça na web. Fizemos o download da versão completa que ocupou cinco CDs. Antes de partir para a instalação, certifique-se que todos os periféricos estejam conectados ao PC e ligados. Isso facilita o reconhecimento dos dispositivos pelo sistema operacional. E não deixe de fazer uma cópia de segurança de seus arquivos do Windows. Assim, se der algum problema, você tem como recuperá-los. O ideal é ter duas partições no disco rígido, uma para cada sistema operacional. Você pode particionar o disco antes de instalar o Linux, usando um programa como o Partition Magic, da Symantec….

EYES OS
Aplicativos , Internet / 10 de setembro de 2007

O Clube da Informática abre sua mais nova seção, sobre Web 2.0, falando sobre sistema operacional, isso mesmo, um sistema operacional completo pela Internet no seu navegador. Atualmente existe muito pouco nessa categoria, como na maioria das aplicações para Web 2.0, afinal estamos falando de novas tecnologias, que no começo sofrem por descrédito ou mesmo por falta de profissionais especialistas no assunto. Bom vamos colocar a mão na massa, entre no endereço do sistema e você já encontrará a porta de entrada. Na primeira tela você encontrará um tela de log in, todo sistema que se preza tem uma, nesse é muito simples, você pode logar diretamente ou mesmo criar um novo usuário digitando user e senha, muito simples mesmo, sem maiores cadastros. Logo após, você entrará em um verdadeiro desktop virtual, com as principais funções que os sistemas operacionais convencionais podem oferecer. Você encontrará aplicativos, espaço para gravar seus arquivos, isso mesmo, um pequeno espaço virtual para salvar arquivos que serão produzidos ou importados para esse ambiente de trabalho. Vamos apresentar esse espaço para você.

Dicas para agilizar e aumentar os recursos do Ubuntu
Linux , Soluções / 19 de novembro de 2006

O Ubuntu vem ganhando espaço como uma distribuição Linux pronta para desktops, seja de micreiros experientes ou de neófitos. Com recursos como atualização automática (que lembra o Windows Update), instalação rápida de aplicativos e configuração fácil, o Ubuntu é uma distribuição perfeita para quem quer usar o Linux dispensando horas de configuração. Mas quem quer um sistema mais azeitado pode utilizar alguns programas e dicas para deixar o Ubuntu pronto para qualquer uso e, claro, mais rápido. Confira a seguir dez truques para incrementar o sistema. Todos eles foram testados no Ubuntu 7.04 (Feisty). Codecs em ordem Para quem assiste a filmes no computador, é uma boa instalar um pacote de codecs básicos para os principais tipos de vídeo e áudio. O repositório Medibuntu tem um pacote que cobre o necessário para os vídeos mais comuns na internet, com suporte a DivX, XviD e muitos outros formatos, além de som em MP3 e AC3. Trata-se do pacote W32codecs. Para instalá-lo, abra um terminal e tecle sudo aptitude install w32codecs. Espere o final do download e da instalação e pronto. O PC está preparado para os vídeos. Ubuntu modificado Para quem vai reinstalar ou costuma colocar o Ubuntu em várias máquinas,…