Pok̩mon Go: Os 20 Melhores Truques (e dicas) РParte 2

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Sem votos, vote agora!)
Loading...

Postado por Plinio Cruz em 8 de setembro de 2016 na categoria Android, Cheat Codes, Games, Games Online | 2 Comments to Read

11. Seja pontual

Pokémons costumam aparecer em horarios redondos como, 18:00 e 18:30. Então se concentre em dois pontos e mude de um para o outro no intervalo dos horários, depois é só caprichar no arremesso.

12. Descubra pokémons raros através do “Ingress”

A Niantic, produtora de Pokemon Go, lançou anteriormente um jogo chamado Ingress, em que também era necessário ir à certos pontos na cidade.

Pois foi descoberto que no jogo Ingress um dos pontos, onde é encontrada a chamada “massa exotica”, correspondem à pontos onde podem ser encontrados pokémons raros no novo jogo, vale a pena dar uma baixada.

dica12 Leia mais »

Pok̩mon Go: Os 20 Melhores Truques (e dicas) РParte 1

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Sem votos, vote agora!)
Loading...

Postado por Plinio Cruz em 15 de agosto de 2016 na categoria Android, Aplicativos, Cheat Codes, Games, Games Online | Seja o primeiro a comentar

1. Como começar o jogo com Pikachu

Se quiser você pode começar com Pikachu, na hora de escolher seu primeiro pokémon, saia da área de escolha por três vezes que o ratinho elétrico irá aparecer.

pokemon_sossolteiros-755x398

2. Ganhe mais experiência com capturas “Great”

Lançar pokébolas é uma das coisas que mais se faz no jogo e você pode ganhar pontos de experiência extra, quanto melhor for o arremesso.

A pontuação é dada conforme a bola acerta o circulo que fica diminuindo, quanto mais próximo do centro, maior a pontuação. Existem 3 tipos de acerto: Nice (+10 pontos de experiência), Great (+50 pontos) e Excellent (+100 pontos).

Leia mais »

Intel: No Coração da TI Verde

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (2 votos, média: 5,00)
Loading...

Postado por Plinio Cruz em 22 de outubro de 2009 na categoria Editorial, Tecnologia | Seja o primeiro a comentar

Aquecimento global, alterações climáticas, o excesso de lixo: no âmago de algumas das principais preocupações que afligem a humanidade hoje, está a questão da sustentabilidade ambiental – a noção de que, se continuarmos utilizando os recursos naturais no mesmo passo que seguimos desde a revolução industrial, os danos à biosfera serão irreversíveis, causando extinções em massa e até mesmo colocando a vida humana em risco.

Todos nós temos que fazer a nossa parte contra este cenário: entretanto, são as empresas, grandes e pequenas, responsáveis pela maioria dos processos produtivos e por uma grande parte do uso dos recursos naturais. Por sorte, hoje já passamos da fase do convencimento da importância das práticas sustentáveis para a ação pura e simples. Nesse contexto, surge a TI Verde, ou a idéia de que é possível criar e utilizar tecnologias que levarão ao crescimento sem agredir o meio ambiente, sempre com foco no aumento de produtividade, o que em si já representa uma grande contribuição para redução de uso dos recursos naturais.

Reinaldo Affonso é diretor de desenvolvimento tecnológico da Intel para América latina

Reinaldo Affonso é diretor de desenvolvimento tecnológico da Intel para América latina

E onde está o “coração” da TI Verde? Não é difícil chegar até a resposta: onde está o “coração” do seu datacenter, do seu servidor, do seu sistema? A peça fundamental onde a TI se baseia são as tecnologias de processamento. É por isso que qualquer projeto de TI Verde sempre começa com a decisão pela plataforma com maior eficiência energética: quantos números eu serei capaz de mastigar com uma dada quantidade de watts, e em quanto tempo?

É importante notar que o avanço na tecnologia de processadores – por meio da adoção de arquiteturas mais eficientes e principalmente na diminuição do tamanho dos transistores – invariavelmente leva à eficiência energética. Ou seja, quando uma empresa decide adiar a renovação de seu parque de máquinas, ela não apenas deixa de ganhar produtividade, mas também deixa de economizar na conta de luz.

Leia mais »

Intelligent Management Center (iMC) inovação 3Com

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Sem votos, vote agora!)
Loading...

Postado por Plinio Cruz em 20 de maio de 2009 na categoria Notícias, Soluções, Tecnologia | Seja o primeiro a comentar

A 3Com, líder em Segurança e Green IT, segundo estudos recentes do Gartner e da InStat, participará da Interop Las Vegas, de 17 a 21 de maio, quando demonstrará a sua mais nova tecnologia – o Intelligent Management Center (iMC). Pensado dentro da arquitetura SOA, o iMC é modular e permite o gerenciamento de performance, QoS, VPN, MPLS e SLA, de forma simplificada e com a possibilidade de geração de relatórios para o cliente final.

Outra grande vantagem é a oferta de Network Access Control (NAC) integrado e o gerenciamento de elementos de rede de terceiros. Dessa forma, as empresas não precisam se desfazer de tecnologias utilizadas anteriormente. O IMC permite que soluções de diversos fabricantes se comuniquem.

“Todas as tecnologias podem trabalhar conjuntamente numa mesma aplicação, reduzindo Capex e Opex. O iMC é considerado pela 3Com a plataforma da próxima geração. É modular, segura e capaz de oferecer serviços de acordo com as necessidades e o crescimento das corporações”, destaca Less Stuart, responsável pela nova solução.

Durante a feira, a 3Com apresentará, também, seu portfólio de produtos e inovações na área de segurança, como o TippingPoint® Intrusion Prevention System (IPS) e a solução Network Access Control (NAC). Também mostrará o seu mais novo serviço – o ThreatLinQ, um portal global e em tempo real de inteligência de segurança, que permite aos usuários avaliar ameaças e prescrever mudanças políticas específicas de IPS.

“A 3Com tem trabalhado continuamente para proporcionar aos seus usuários o que há de melhor no mercado de segurança e proteção contra ameaças, oferecendo aplicações de alta performance. Cada vez mais, os clientes usam a nossa plataforma para evitar intrusões e não apenas para gerar alertas de segurança”, destaca Denis Prado, responsável pela divisão de segurança da 3Com no Brasil.

Leia mais »

O mercado precisa de bons profissionais de segurança da informação

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (4 votos, média: 5,00)
Loading...

Postado por Plinio Cruz em 6 de janeiro de 2009 na categoria Segurança, Tecnologia | 2 Comments to Read

Não adianta fazer uma faculdade de primeira linha, nem um MBA. Para ser um profissional na área de segurança da informação você precisa ter atitude, relacionar-se e interagir com as outras áreas da empresa, mostrar para a sua empresa/cliente que você é apaixonado pelo assunto. Conheça agora as conquistas necessárias para uma trajetória profissional na área de segurança da informação.

Disposição para aprender coisas novas

Esse é um dos pontos fortes do profissional ligado à segurança da informação.

A formação oferecida pelas faculdades não consegue acompanhar o crescente número de ameaças na internet. Por exemplo, os cursos não tratam de vírus para celulares, grampo telefônico em tecnologia GSM (ameaça temida por todo executivo) e ataques nas aplicações conhecidas como Web 2.0.

Você só cresce na área se conseguir aprender coisas novas constantemente.

Leia mais »